14fev
By: admin ligado: fevereiro 14, 2019 In: Uncategorized Comments: 0

A América do Sul é continente rico em variedade de fenômenos naturais paisagens. Por isso, se você quer aventura, um dos caminhos mais bacanas e intensos de conhecer todas as maravilhas presentes no continente é fazendo trilhas, sozinho ou em grupo. As atrações incluem picos nevados, montanhas, serrados, ruínas, lagos, glaciares e florestas tropicais.

Para te deixar mais instigado, listamos 5 trilhas iradas da América do Sul. Antes de botar o pé na estrada, não se esqueça de fazer um Seguro Viagem aqui na Alternativa Brasil. No mais, a sua única preocupação durante a trip será decidir qual das trilhas você vai visitar primeiro. 😀

Trilha Inca, Peru

01.26b-inca

Começamos por uma das melhores do mundo: a Trilha Inca. Além de ser a mais conhecida do continente, esta trilha possui cerca de 33km, que vão de Vale Sagrado (Cuzco) até Machu Piccho (Águas Calientes). O esforço vale a pena, aliás, durante 4 dias de caminhada, você irá se deparar com montanhas encobertas por neblina e picos nevados dignos de cenário de filme, sem contar as famosas e impressionantes ruínas Incas.

Mas nem pense em encarar a empreitada sozinho, pois desde 2002 ela só pode ser percorrida com o apoio de um guia. Seja precavido. Antes de iniciar o trajeto, fique pelo menos dois dias em Cuzco para se acostumar com a altitude.

Torres del Paine, Chile

01.26f-montesdelpaines

Por conta da beleza de suas paisagens, o circuito del Paine é um dos mais conhecidos e procurados do mundo. Localizada na Patagônia chilena, como as famosas torres de granito e lagos de cores intensas e profundas, o circuito é divido em dois: “W” — com cerca de 60km, que pode ser percorrido em 4 ou 5 dias e se você for inexperiente, não se preocupe, porque a indicação é para iniciantes mesmo. Já o circuito “O” é mais complexo, englobando o “W” e mais 70Km (totalizando 130km de caminhada), com duração de até 8 dias.

Para suportar as caminhadas, procure refúgios localizados em pontos estratégicos. Assim, você pode ter uma noite de sono tranquila e confortável. Só não deixe tudo para última hora. Faça a reserva assim que começar a planejar a viagem.

Monte Roraima, Brasil

01.26c-roraima

Não podemos deixar de citar essa beleza abrigada pelo Brasil. Por incrível que pareça, o Monte Roraima é pouco explorado pelos brasileiros, mas super requisitado por turistas estrangeiros e recebe por volta de dois mil trilheiros por ano. O Monte ficou conhecido como “o mundo perdido”, por causa do romance homônimo escrito por Arthur Conan Doyle, autor de Sherlok Holmes. Além do mais,  é o ponto mais alto da Floresta Amazônica e fica dividido em três países: Brasil, Guiana e Venezuela, que é a porta de entrada para quem deseja subí-lo.

A beleza é grande e caminhada é longa, durando entre 7 e 8 dias. É importante que você vá pronto para andar por várias horas ao longo do dia dia, variações de temperatura e como bônus, apreciar à noite um céu super estrelado.

A dica para quem for cair nessa é usar, preferencialmente, calças compridas e blusas com mangas (mesmo que em tecidos leves) e abusar do repelente.

Trilha Monte Fitz-Roy, Argentina

01.26e-fitzroy

Além do bom churrasco, na Argentina podemos encontrar o Monte Fitz-Roy. Um cenário incrível que envolve a Patagônia argentina, onde se encontra a Cordilheira dos Andes, e tem uma beleza fora do comum! O trekking dura cerca de 8 dias, saindo da cidade de El Chaltén e proporciona aos aventureiros, paisagens com a cachoeiras, florestas e o Parque Nacional dos Glaciares. O ideal é que o trajeto seja encarado no final do verão. Assim, as temperaturas mais agradáveis são ideias para apreciar um dos mais belos pôr do sol da vida.

 

 

Trackback URL: http://www.alternativabrasil.com/noticias/2019/02/14/as-melhores-trilhas-da-america-do-sul/trackback/

Leave reply:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *